terça-feira, 29 de maio de 2012

Prós e Contras - meu período sabático

A expressão em inglês é bem parecida: pros and cons. Mas, o resto é todo diferente. Estou aqui, em plena madrugada, na terra do tio Sam, "matutando" sobre essas coisas. Já se passaram quase 2 meses, e a cada dia mais, sei que tomamos um passo na direção certa.  Mas, em toda encruzilhada, é preciso escolher um caminho.  E isso envolve abandonar a outra opção. Eu, que sou uma das pessoas mais indecisas do mundo, já considero uma VITÓRIA ter tido a coragem de abandonar a outra opção, a mais segura e conhecida, a tão famosa "zona de conforto". Sair da mesmice, da rotina, do que é seguro... e embarcar rumo ao desconhecido, apenas confiando em Deus e em nossos próprios sonhos. Sem garantias. Sem recompensas.
Sem recompensas?

É preciso entender que nem tudo que conta nessa vida, se pode contar. Na maioria das vezes, aliás, o que mais conta,  de fato não se pode contar.
Vendo os posts, pareço estar de férias, não é mesmo? Mas, vejam bem: tive que abrir mão de ser médica para ser mãe, de ser mestre para ser aluna, de ser diretora de um Hemocentro para ser dona-de-casa, de ter duas empregadas para não ter nenhuma, de ter três empregos para não ter nenhum, de ganhar bem para não ganhar nada.
Nada?

Nessa matemática, temos que subtrair algumas coisas e oferecer espaço para outras. Viver com MENOS coisas. Viver com MAIS paixão. Viver com MENOS títulos. Viver com MAIS família. Viver com MENOS quantidade. Viver com MAIS qualidade. E, se o resultado será negativo ou positivo, depende dos anseios de cada um, porque trata-se de algo pessoal e único, que não se pode julgar. Na verdade, caros leitores, meu resultado é absurdamente positivo: tem sido um tempo de pastos verdejantes e águas de descanso. Tempo de abraçar, de amar, de rir. Tempo  de endorfina na veia e refrigério na alma. Tempo de termos uns aos outros e a Deus. E só.
E não basta?




5 comentários:

  1. Tchu esse foi muito bom !
    Acho que vai virar escritora !!!
    De fato, sempre foi ...

    ResponderExcluir
  2. I've loved all words in your essay, pricipally in the end you were fantastic, as usual, like Machado de Assis in this part: caro leitor. You are my life…

    ResponderExcluir
  3. Oie Christiane,

    Você saindo ganhando e muito :)! Talvez certos confortos se foram, mas ter infuência de pertinho na vida das suas meninas e estar a par do que acontece na vida delas e do marido em tempo integral é uma oportunidade única. Acredito que tenha chegado esse tempo pra vc, tempo de investir, tempo de vida na vida, tempo de se descobrir e descobrir mais dos seus.

    parabéns :)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI, Gisley!! Um dia depois de escrever esse texto, entrei no seu blog e li seu post do Sucesso. Pensei cá com meus botões: olha só Deus falando com muitas pessoas ao mesmo tempo!!!
      Beijos!

      Excluir