terça-feira, 17 de julho de 2012

Happy birthday, Laura!

Ontem, Laura fez 2 aninhos. Este ano, o aniversário foi um pouco diferente: sem festa. Confesso que me doeu um pouco, porque gosto de celebrar `a altura. Quem me conhece, sabe que gosto de festa, principalmente, quando é pra comemorar o aniversário das minhas filhas. Adoro!  Desde o século passado,  na época do primeiro aninho da Júlia, que está no Brasil, e olha que era a época da pindaíba mór, tal qual nunca se viu na história da família Tuma Santos. Então, o fato de não ter festa pra Laura me fez sofrer um pouquinho. Até poderíamos ter feito uma festinha no parque com algumas amiguinhas - coisa bem de americano. [Porque festa aqui é bem diferente do conceito que temos no Brasil. Americano não faz graça pra ninguém, as festas são para 15 a 20 crianças no máximo. Com hora pra começar e terminar.] Mas... que amiguinhas? Laura ainda não vai a escola, então, não conhece nenhuma criança além da Bia.
Então,  não tivemos festa, mas passamos o dia no Zoo (passeio preferido da aniversariante). Infelizmente, o  Sr. Tatu - que tem hábitos noturnos - não compareceu a nossa celebração matinal, pois ficou dormindo na sua toca. Também, tivemos uma debandada internacional de convidados (leia-se: Júlia e Tatá), o que comprometeu consideravelmente o número de  participantes da comemoração. Mas a gimafa, a beba, o taposo, o tacaco, o tanelho, o tatante, a póba (conhecida aqui como snake),  e muitos outros,  marcaram presença e assim, salvaram o dia!!! E também tivemos um convidado internacional mais que especial que veio exclusivamente para a festa os parabéns. Vovô Balaia! Nosso convidado VIP, unique e exclusive!!  Depois do passeio ao Zoo, viemos pra casa e fizemos cookies e cupcakes, com as meninas pondo a mão na massa e fazendo a maior bagunça na cozinha.
No final do dia, Laura abriu os presentes e cantamos os parabéns no menor bolo do mundo (vou concorrer no Guinness Book!). Soprou a velinha e fizemos uma oração. Então, pude perceber que só tenho motivos para agradecer a Deus, por ter uma menininha linda, saudável, inteligente, espirituosa, arteira, engraçada e sapeca. Agradecer porque nos últimos 3 meses, pude me dedicar de corpo e alma a ela e participar de cada sorriso, de cada gracinha, de cada choro, de cada birra (fazer o q?), de cada palavra nova (em inglês e português) e saber que este tempo que vivemos tem sido mágico, capaz de produzir uma onda de contentamento que não há festa no mundo capaz de substituir.
E foi assim que fomos dormir: gratos e felizes por mais um ano de vida da nossa caçulinha, que nos traz a cada dia, alegria acima da média [acompanhada da certeza absoluta (absolutíssima, diga-se de passagem) de que nossa família está completa!]







         
      





P.S>Como pode se perceber, a autora ainda está apanhando da parte "como colocar fotos de uma maneira interessante ou pelo menos simétrica no blog"           

2 comentários:

  1. Linda demais !
    Parabéns Laurinha !
    Tia Tchu, esse blog tá muito bom !
    Adoro !
    Bjs a todos

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Laura

    Que Papai do Céu continue te abençoando todos os dias, dando muita sabedoria, saude, travessuras e sorrisos aos que te rodeiam.

    Tchu
    Amo ler seu blog, aprendi muitas coisas com vc, abraços
    Nayara

    ResponderExcluir