sábado, 26 de julho de 2014

Mudanças Disney


F=Mamãe, por que a  Mother Gothel roubou a Rapunzel?

M=Porque ela queria o poder que estava nos cabelos da Rapunzel.

F=Por que?

M=Por que ela  queria ficar sempre jovem e não morrer nunca.

F=(Pensa, pensa.)

F= Por que então ela não bateu na porta do castelo e ofereceu pra ser a babá da Rapunzel?  Aí, a Gothel brincava com ela, penteava os cabelos dela e ensinava a musiquinha do "Brilha linda flor" pra ela... A Rapunzel continuava com a mãe verdadeira e a Gothel conseguia o que queria.


Produção Disney, favor convidar minha filha para roteiros politicamente corretos.


Alguém que acompanha o blog sabe me dizer qual das pequenas deu essa ideia?

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Será?

Foi tudo lindo. A solenidade da formatura. O baile. A festa. O vestido. A formada mais bonita da turma.
Foi tudo lindo. A família do Brasil toda aqui. A solenidade. A celebração. A música.
Foi tudo lindo. A casa cheia. A casa nova. Ainda não falei da casa nova? Pois é. Foi tudo como manda o  figurino. A decoração. Os amigos. Os presentes. A comida.
Foi tudo lindo. Até mesmo a viagem inesperada ao Brasil. A Cidade cada vez mais Maravilhosa.
A tão sonhada troca do visto. O início oficial do "NeuroAnesthesia Fellowship". A re-entrada nos EUA para um novo tempo.
Mas...
Eu me pergunto se algum dia eu vou ser completamente feliz de novo.
Porque em cada acontecimento, ficou faltando um pedaço.
Um pedaço importante, vital. Um pedaço tão grande de mim, que me roubou a plenitude da felicidade. E o prazer de compartilhar.
Por trás de cada sorriso, uma lágrima. Por trás de cada vitória, um vazio. Por trás de toda beleza, a realidade feia. Aquele famoso silêncio que machuca tanto.
Eu até tento manter um coração agradecido. E olhar pra trás com gratidão e pra frente com fé.
Mas, mesmo assim, eu me pergunto se algum dia,  em algum lugar, eu vou ser completamente feliz de novo.
Peço que sim, mas tenho minhas dúvidas...

Que falta o senhor faz na minha vida, pai!